A partir deste mês, o município de Arapongas passará a contar com mais uma especialidade no SUS. Trata-se da contratação da médica Flávia Carolina Mantine, especialista em Hematologia e Hemoterapia, que esteve hoje em reunião com o prefeito Sérgio Onofre e o secretário de Saúde, Moacir Paludetto Junior.
Segundo a médica, “o papel do hematologista é investigar, diagnosticar e tratar os distúrbios do sangue, sejam eles benignos ou malignos do ponto de vista patológico e por todos os procedimentos relacionados à transfusão de sangue. Entre as doenças hematológicas existentes estão a anemia (deficiência de ferro, deficiência de vitamina B12, deficiência de ácido fólico etc.), hemocromatose hereditária (excesso de ferro no sangue), transtornos plaquetários, transtorno de coagulação sanguínea, transtornos hemorrágicos, doenças de medula óssea e leucemias agudas e crônicas”.
O secretário de Saúde, Moacir Paludetto Junior, frisa que poucos municípios possuem especialistas nesta área e os pacientes a partir de agora terão mais qualidade no atendimento, bem como os profissionais da Atenção Básica passarão a ter um suporte maior para o monitoramento.
O prefeito Sérgio Onofre avalia que esta é mais uma conquista importante para a população de Arapongas, mas principalmente para aqueles pacientes que sofrem no dia a dia, adultos e muitas vezes crianças que necessitam ser atendidos em outras cidades, como Curitiba e Londrina, e que a partir deste mês poderão ser acompanhados em Arapongas. 
Para o enfermeiro Isaías de Lima, que possui doença falciforme e é membro da Associação de Pessoas com Doenças Falciforme do Paraná (AFALP), “é imensurável a presença de um hematologista no município e reflete na qualidade de vida destes pacientes”.
Os atendimentos serão todas as segundas-feiras de manhã no Centro de Especialidades Jaime de Lima e os encaminhamentos para esta especialidade deverão ser realizados por médicos que atendem no Sistema Único de Saúde de Arapongas.