Junior da Femac licita obra que conclui reforma do Edifício Fênix

Junior da Femac licita obra que conclui reforma do Edifício Fênix

14 de janeiro de 2020 Off Por admin

Investimento, com recursos próprios do município, é de R$ 870 mil

A prefeitura de Apucarana vai entregar o principal espaço cultural da cidade totalmente reformado, num prazo aproximando de 6 meses. A oficialização desta medida aconteceu hoje (14), quando o prefeito Junior da Femac autorizou a abertura do processo licitatório para segunda etapa de obras do edifício Fênix (Cine Teatro Fênix)

Para dimensionar a importância da notícia, o evento realizado no hall do Teatro Fênix, reuniu, além de vereadores e secretários municipais, representantes de órgãos da cultura no município como o presidente do Conselho Municipal da Cultura, Benedito Cândido da Silva, e da Academia de Letras, Artes e Ciências Centro Norte do Paraná, com sede em Apucarana, Artur Paulo Filho.

A segunda etapa de reforma do Cine Teatro Fênix está orçada em R$ 870 mil, com recursos próprios do município. “Este momento é fruto de planejamento da equipe da prefeitura que permite colocar dinheiro economizado em obras para a população de Apucarana. Essa reforma vai sair porque já temos o dinheiro guardado para sua execução. Todos estão convidados para a inauguração dentro de alguns meses”, afirmou o prefeito Junior da Femac.

A obra a ser executada envolve a reforma de toda estrutura do telhado formada por madeiramento (vigas de sustentação) da época de sua construção, há mais de 50 anos, além da substituição de todas as telhas. O projeto também inclui o término reforma dos 3 andares do Centro Cultural do Teatro Fênix, iniciada na administração Beto Preto.

A primeira etapa das obras de reforma dos três pisos do edifício foi concluída recentemente. Com investimento na ordem de R$ 500 mil, com recursos municiais, foi concluída a fachada do prédio, com instalação de janelas em esquadria de alumínio e realização de todo o acabamento necessário, além de melhorias na parte da cobertura/terraço, limpeza geral no interior do edifício e instalação de equipamento de prevenção de incêndio.

Agora, com as obras da 2ª etapa, os três pavimentos vão ficar prontos para uso. Esses ambientes vão receber piso, drywall, banheiro, instalação elétrica, ar condicionado e pintura.

A secretária Promoção Artística, Cultural e Turística da Prefeitura de Apucarana (Promatur), Maria Agar, adianta as atividades que serão desenvolvidas em cada pavimento. “O primeiro andar vai receber a Escola Municipal de Artes, com salas para as aulas de música, dança e teatro. O segundo vai abrigar o Museu Municipal com acervo do Museu Davi Carneiro que será cedido pela Cesumar/ FECEA ao município”, detalha Maria Agar.

Já a terceiro piso, complementa Maria Agar, destinará uma sala para a Banda Municipal, que em seus 50 anos de existência nunca contou com espaço próprio. Esse pavimento contará também com uma sala multiuso disponibilizada para entidades culturais, como a Academia de Letras, Artes e Ciências Centro Norte do Paraná, que irá transferir sua sede para aquele espaço.

Outro investimento recente no Cine Teatro Fênix foi à reforma das 492 poltronas da sala de espetáculos. O investimento, autorizado ainda pelo então prefeito Beto Preto, envolveu a troca de componentes e identificação alfa-numérica.

“Esta administração já investiu cerca de R$ 500 mil na primeira etapa de obras, dinheiro economizado do município. A cultura é uma ferramenta para o desenvolvimento do potencial de cada um de nós e a sua promoção merece especial atenção da gestão Beto Preto. Nossa escola municipal de artes atende 900 alunos, com aulas de música, teatro e dança”, destacou Junior da Femac.

O presidente do Conselho Municipal da Cultura, Benedito Cândido da Silva, disse que cultura reflete a identidade de um povo, “por isso fico emocionado pelo empenho e interesse do prefeito Junior da Femac e da secretária Maria Agar, por apoiar a arte e cultura em Apucarana.”

A solenidade da autorização para abertura da licitação contou com a presença do vice diretor da Unespar/Fecea, Leonardo Sartori, dos vereadores Gentil Pereira e Márcia Sousa, e dos pastores Daniel Accyoli e Marcos Rocha.

O Teatro – O Cine Fênix foi a maior sala de cinema da cidade entre as décadas de 1960 e 1990. No início dos anos 2000, foi revitalizado dentro de um programa estadual chamado “Velho Cinema Novo”. Hoje, o local sedia a administração e as escolas de formação cultural da Promatur, recebe apresentações de teatro, balé e música, cerimônias oficiais de formatura, seminários, conferências, entre outros eventos.